A deslocalização reafirma o seu impulso no evento EURA

Publicado em 22/06/2022

De 31 de Maio a 3 de Junho, Sevilha acolheu o grande evento organizado pela EURA, que contou com a presença de mais de 700 convidados. Ficou muito claro que as agências de relocalização estão a acordar depois de meses de trégua e estão a mostrar um boom no sector este ano com a intensificação […]

linkedin
Tabla de contenidos

De 31 de Maio a 3 de Junho, Sevilha acolheu o grande evento organizado pela EURA, que contou com a presença de mais de 700 convidados. Ficou muito claro que as agências de relocalização estão a acordar depois de meses de trégua e estão a mostrar um boom no sector este ano com a intensificação de projectos empresariais.

Agências de relocalização, os principais protagonistas

Foi muito gratificante ouvir as principais vozes das agências de realojamento e descobrir as suas preocupações. Um dos grandes desafios neste sector tem sido sempre o de encontrar eficiência na prestação de um grande número de serviços (vistos, mudanças, seguros médicos, cuidados a pessoas deslocadas e às suas famílias, visitas à cidade, etc.). 

Por esta razão, para alcançar o sucesso de qualquer projecto é muito importante subcontratar alguns aspectos, tais como o alojamento temporário. A Apartool demonstrou ser o melhor parceiro para este tipo de agências. Somos especializados na procura e gestão de alojamento temporário de empresas, permitindo às agências de realojamento concentrarem-se nos aspectos do seu negócio onde acrescentam mais valor.

A presença do Apartool na EURA

Apartool é um provedor e membro da EURA. Apresentamo-nos como um parceiro útil para agências que necessitam de encontrar rapidamente apartamentos temporários com serviços personalizados. Além disso, dispensamos estes profissionais de muita carga de trabalho, cuidando de toda a papelada envolvida em todo o processo.

No evento pudemos reforçar a nossa relação com as principais agências de relocalização nos mercados onde estamos actualmente presentes, tais como Espanha, Portugal, França e Alemanha, assim como Suíça e Holanda.